Incentivo para fortalecer atividade empreendedora em Seabra é foco de reunião na Desenbahia

O fortalecimento dos micros e pequenos empreendedores de Seabra foi discutido durante audiência, na sexta-feira (11),  com o deputado estadual Eduardo Salles, o secretário de Agricultura do município, João Gomes, e a diretoria da Desenbahia (Agência de Fomento da Bahia). As agentes de desenvolvimento de Seabra, Karina Acosta e Edilene Pinto, também participaram da reunião. Na ocasião, foi solicitado, de imediato, a instalação de uma agência de microcrédito e a análise de implantação da 10ª gerência de negócios da Desenbahia no município.

No estado, existem 184 agências de microcrédito, que concedem créditos entre R$ 200 e R$ 10 mil,  e apenas 9 gerências de negócios para atender os 417 municípios baianos.  “Queremos incentivar a impulsionar a atividade empreendedora em Seabra. Para isso, estamos buscando o apoio da Desenbahia que tem essa finalidade.  Além disso, como presidente da Frente Parlamentar das Micro, Pequenas e Médias Empresas da Assembleia Legislativa e por ser representante de Seabra, vou trabalhar para que possamos efetivar este projeto”, explica Eduardo Salles.

” O município tem total interesse em estreitar essa relação com a Desenbahia. Em Seabra, já temos muitos MEIs (Microempreendedores Individuais) cadastrados e que precisam de apoio para alavancar seus negócios”, ressalta João Gomes.

A proposta de instalação imediata de uma agência de microcrédito no município, será avaliada em reunião da diretoria da Desenbahia. Para a instalação da unidade de microcrédito foi proposta uma parceria, na qual a prefeitura ficará responsável pela disponibilização do espaço e dos agentes de crédito que irão atuar na agência, após a capacitação realizada pela Desenbahia.

“Saímos da audiência com uma sinalização positiva, pois um município da dimensão de Seabra já era para ter um ponto de atendimento da Agência de Fomento e, com certeza, também iremos conquistar a 10ª gerência de negócio”, pondera o  parlamentar.

“O nosso objetivo é levar melhores condições dos pequenos empreendedores, como um pipoqueiro, o proprietário de um salão de beleza, uma lanchonete. Desta forma, teremos condições de movimentar e aquecer a economia local, com a geração de emprego e renda. Para efetivar esta iniciativa, vou trabalhar junto com o prefeito Fábio Miranda, o secretário João Gomes e todo nosso grupo político”, conclui Salles.

Os membros da diretoria da Desenbahia presentes na audiência foram: Francisco Miranda, diretor de negócios; Paulo Costa, diretor de operações; e Marko Svec, gerente comercial.

COMPARTILHAR