Os Estados da Bahia e São Paulo são líderes na modalidade criminal de assalto a carros-fortes, os dados da pesquisa foram revelados pela Associação Brasileira de Transporte de Valores e da Confederação Nacional Nacional dos Trabalhadores de Segurança Privada, divulgados no G1.

Somente no primeiro semestre deste ano foram 10 ataques aos veículos em cada Estado. Nos primeiros seis meses de 2018, as transportadas de valores sofreram com 75 ações contra os carros-fortes em todo Brasil.

O estudo aponta que a região Nordeste é a que mais passou por assaltos ou tentativas contra aos veículos de valores. Foram 34 ataques em 2016, 56 ações em 2017. Entre  janeiro e junho de 2018, quadrilhas atacaram 46 carros-fortes.

COMPARTILHAR